Autenticação de cópias

Autenticar cópias (em papel) é multiplicar a segurança jurídica de seus documentos.

Dúvidas

1. Autenticação de cópias - Posso fazer uma autenticação sem apresentar o documento original?

Não. É indispensável apresentar o documento original.

2. Autenticação de cópias - É possível tirar cópia autenticada de uma cópia?

Não. É indispensável apresentar o documento de origem.

3. Autenticação de cópias - Posso fazer uma autenticação de um documento em branco?

Sim, mas a autenticação fará menção a tal fato.

4. Autenticação de cópias - Posso fazer a autenticação de um documento colorido?

Sim.

5. Autenticação de cópias - Como fazer a autenticação de um documento eletrônico?

Sim, a Corregedoria Geral da Justiça regulamentou esta atividade. 

6. Autenticação de cópias - Posso autenticar a certidão eletrônica do INSS ou da Receita Federal?

Sim. A CGJ permite que o tabelião autentique uma cópia impressa da certidão eletrônica. O tabelião acessará o sítio eletrônico para verificar a conformidade da cópia impressa em papel com o documento eletrônico.

7. Autenticação de cópias - Como posso fazer para autenticar um e-mail, uma mensagem eletrônica?

É possível fazer uma ata notarial da mensagem, acessando-a no computador e verificando os dados de tráfego da mensagem. Esta ata não dá certeza da integridade e autoria do documento, apenas pré-constitui prova dos dados no momento da verificação pelo tabelião.

8. Autenticação de cópias - O preço da autenticação é igual para todos os cartórios?

Sim. O valor da autenticação é igual em todos os cartórios de São Paulo. A cópia pode ter um preço diferente e variar de cartório para cartório.