Notícias

8 Perguntas e respostas sobre o testamento



Ninguém gosta de pensar no fim da vida, mas fazer um testamento pode ser uma precaução para proteger as pessoas que você ama. Pode até parecer algo distante e complicado, mas esse planejamento para a posteridade é bastante simples e efetivo. 

Na hora de decidir por fazer ou não, muitas dúvidas surgem. Separamos aqui as mais comuns que podem te ajudar nesse processo, mas você pode sempre consultar nossa equipe antes de fazer qualquer ato notarial, basta clicar aqui.

1. O que é preciso para fazer um testamento?

Em primeiro lugar, decidir qual o tipo de testamento que você deseja. Existem três principais tipos: o particular, feito pelo próprio testador com a assinatura de três testemunhas; o cerrado, que também é feito pelo testador, mas é aprovado pelo tabelião e mais duas testemunhas; e o público, feito totalmente em cartório ou tabelionato de notas e confirmado pelo tabelião junto de duas testemunhas.

Em seguida, será necessário apresentar seus documentos pessoais no cartório, preencher um formulário e assinar o testamento junto das duas testemunhas.

2. Devo consultar um advogado antes de fazer o testamento?

Não é obrigatório. Apenas se você considerar necessário. Caso contrário, pode procurar diretamente um cartório ou tabelionato de notas.

3. Quem pode fazer um testamento?

Qualquer pessoa maior de 16 anos e que seja considerada capaz de decidir por si mesma.

4. Depois de feito, o testamento pode ser alterado ou cancelado?

Sim. O testador pode alterar ou pedir para revogar seu testamento a qualquer momento em qualquer tabelionato de notas.

5. Posso deixar todos os meus bens para quem eu quiser? 

Depende. Se você tiver herdeiros necessários (filhos, pais, cônjuge/companheiro), 50% dos bens serão obrigatoriamente destinados a eles. Nesse tipo de situação, você só pode decidir sobre a outra metade dos bens.

6. É possível incluir um herdeiro (filho ou neto) que ainda não nasceu no meu testamento?

É possível deixar bens para uma pessoa ainda a nascer. Este procedimento se chama substituição fideicomissária.

7. Posso vender ou doar os bens que estão no testamento?

Sim, o testamento só tem eficácia após a morte do testador. Enquanto vivo, ele tem plena propriedade e faz o que quiser com os bens.

8. Como o testamento é cumprido?

Após a morte do testador, os herdeiros devem solicitar o registro do testamento a um juiz e que ele seja cumprido perante um tabelião.

Você pode contar com o 26º Tabelionato de Notas para fazer o seu testamento. Clique aqui e saiba como.

Acesse as notícias e fique por dentro de outros temas.

Últimas notícias